Acompanhamento pré-natal

O Acompanhamento pré-natal deve ser realizado ao longo de toda gestação. A rotina de pré-natal do ministério da saúde prevê um acompanhamento mensal até a 28ª semanas, quinzenal até a 37ª semana e semanal a partir daí.

Não existe período máximo para iniciá-lo, assim como não existe alta do pré-natal. A alta ocorre em consequência do nascimento em período oportuno.

Quem pode acompanhar o pré-natal?

O médico e enfermeiros (sem especialização) das unidades do Sistema Único de Saúde (SUS) e que apliquem suas práticas baseadas nos protocolos das instituições, do município ou do Ministério da Saúde.

Médicos obstetras e enfermeiros obstetras também acompanham o pré-natal. A diferença entre esses profissionais é que os enfermeiros obstetras atendem somente ao pré-natal de risco habitual (antigamente chamávamos baixo risco). Sendo assim, o enfermeiro obstetra pode acompanhar a gestante durante todo o ciclo gravídico puerperal, sem a necessidade de intervenção médica. Se durante esse acompanhamento algum risco for detectado, a gestante será encaminhada ao pré-natal de alto risco que será realizado pelo médico obstetra, profissional habilitado para esse tipo de acompanhamento.

Hoje o acompanhamento pré-natal se apresenta em muitos formatos. Ele pode ser atendido exclusivamente por médicos, exclusivamente por enfermeiros ou de maneira compartilhada, revezando mensalmente o acompanhamento entre esses dois profissionais.

Quais as vantagens do acompanhamento pré-natal com o enfermeiro?

O enfermeiro é um profissional que possui uma formação voltada para o cuidado. Desse modo, uma gestante acompanhada por um enfermeiro em geral terá um atendimento mais voltado para o que é fisiológico.

Além disso, o compartilhamento de informações, decisões e corresponsabilidade entre as partes permite uma melhor interação entre o profissional e a mulher, possibilitando troca e aprendizados constantes. Permitindo que a mulher seja vista em toda sua integralidade e subjetividades. Que soluções criativas e mais naturais surjam a partir das expectativas e necessidades de cada mulher, de maneira individualizada e segura.